facebook.com/monica.sampaio1 (perfil 1)

domingo, 18 de outubro de 2015

LEVANTADOR DE MACHADOS - por Mônica Sampaio


Leia essa história.

"Os discípulos dos profetas disseram a Eliseu: "Como vês, o lugar onde nos reunimos contigo é pequeno demais para nós.
Por que não vamos ao rio Jordão? Lá cada um de nós poderá cortar um tronco para construirmos ali um lugar de reuniões". Eliseu disse: "Podem ir".
Então um deles perguntou: "Não gostarias de ir com os teus servos? " "Sim", ele respondeu.
E foi com eles. Foram ao Jordão e começaram a derrubar árvores.
Quando um deles estava cortando um tronco, o ferro do machado caiu na água. E ele gritou: "Ah, meu senhor, era emprestado! "
O homem de Deus perguntou: "Onde caiu? " Quando ele lhe mostrou o lugar, Eliseu cortou um galho e o jogou ali, fazendo o ferro flutuar,
e disse: "Pegue-o". O homem esticou o braço e o pegou."

Ela está no 2o. Livro dos Reis capítulos 6, versos de 1 a 7, na Bíblia Sagrada, na Nova Versão Internacional (NVI).

Esta foi a primeira Palavra que o Espírito Santo abriu o meu entendimento para eu entender as Escrituras Sagradas.
De lá para cá, já a ouvi diversas vezes, em diversas interpretações.
E hoje, quero refletir com você, algo que está em meu coração, posto pelo Espírito de Deus.

LEVANTADOR DE MACHADOS

Não sei quanto a você, mas eu quero fazer ferros de machados submersos flutuarem nesta nação!

ONDE CAIU? - É a pergunta que tem que estar na boca dos RESOLVEDORES DE PROBLEMAS na Terra.
PEGUE-O. - Tem que ser a sua palavra seguinte.

Nossa Terra está precisando de gente que resolve problemas, pessoas dispostas a resolver conflitos, a manifestarem o poder de Deus na terra.

Um Levantador de Machados serve para fazer ministérios submersos flutuarem.

O Chamado Divino é para a Igreja. Os dons do Ministério não são para o mundo; mas são para o aperfeiçoamento dos santos (Efésios 4.11)

O homem de Deus perguntou: - "Onde caiu?"
Quando o homem lhe mostrou o lugar, Eliseu cortou um galho e jogou ali, fazendo o ferro flutuar. E disse: - "Pegue-o!"
O homem esticou o braço e o pegou.

A função de um Levantador de Machado é a de Colocar algo ao alcance de alguém. Algo que foi perdido.
Na história bíblica o homem perdeu sua ferramenta de trabalho.
Na história da Humanidade, o homem é que se perdeu. Ferro, na Bíblia, simboliza o homem. E essa história trata da Regeneração do Homem, em sua mensagem áurea.
Mas há mensagens secundárias neste texto que podem ser prioritárias, se forem dirigidas a pessoas salvas, que já receberam a Jesus como seu Salvador, mas que ainda não descobriram o seu chamado, ou descobriram, usaram seus dons, porém se perderam no meio do caminho.

"Quando um deles estava cortando o tronco, o ferro do machado caiu na água. E ele gritou: "Ah, meu senhor, ERA EMPRESTADO." (vs 5)

Os Dons de Deus são EMPRESTADOS a nós.
Têm pessoas gritando ao nosso redor, porque PERDERAM SEUS DONS - gritando de várias maneiras! Gritando, através de comportamentos invejosos; gritando em atitudes autodepreciativas; gritando silenciosamente.

Esses dons se perderam DURANTE O USO! Não foram enterrados, como em outra passagem bíblica.
Será que aconteceu com você?
Você entendia que estava fazendo a coisa certa; estava usando seu dom ou talento. E justamente porque você o estava usando, o perdeu.
O machado não quebrou. O ferro se soltou durante o uso. Ele perdeu o ferro do machado enquanto o usava.
Isso fala de ministros do Evangelho que precisam de CURA! Há obreiros que se feriram durante a jornada. Há ministros que perderam seus dons; e se perderam ao longo da jornada.

Há aqueles que se afogaram em meio a tantos afazeres, a tantas metas a cumprir, a tantos "tantos" burocráticos, que precisam urgentemente resgatar seus dons do fundo do esquecimento.

Foi alguma coisa que aconteceu com a FERRAMENTA: ela se desconectou do homem.

O ferro é "quem faz" o serviço, apoiado pelo cabo, com a força e a direção do homem. O machado é composto por duas partes: O ferro - que entra em contato com a árvore - e o cabo - que liga o ferro ao homem. O homem ficou com o cabo na mão. O cabo sem o ferro é inútil para a tarefa de cortar madeira, porque o cabo não corta; ele é madeira, e madeira não corta madeira. Mas nesta história a madeira se transforma em ferro e atrai, como um ímã, o ferro que afundou nas águas.

Madeira na Bíblia simboliza a Palavra - a Palavra de Deus, que é Jesus. Jesus é a Madeira que faz o ferro - homem - flutuar.
Jesus é o Verbo que se fez homem (carne) para atrair o homem (carne) e tirá-lo das águas
(lembra das águas do Dilúvio da época de Noé?
Eliseu é um tipo de Deus. Ele cortou o galho - Seu Filho foi tirado da glória celestial - e o jogou na água - Deus enviou Seu Filho Unigênito ao mundo, através do ventre da mulher (cheio de água - líquido aminiótico), para resgatar o que se havia perdido.

Quem era o lenhador da história?
Um filho de profeta, um aprendiz, um obreiro.
Ele não estava insatisfeito, não fora relatada nenhuma disputa na Escola de Profetas da qual participava; ele estava simplesmente exercendo o seu ministério. Ele se perdeu enquanto estava fazendo a obra!

Houve um problema - não com o homem - com a ferramenta, com o dom. O apoio ficou com ele, mas a parte principal se perdeu. O ferro não foi perdido deliberadamente, pela vontade do homem. Ele se soltou do cabo. Ele não quebrou. Ele se soltou. Há uma diferença, assim como há diferença entre um tecido rasgado e um descosturado.

A ação do homem era dar direção e imprimir força.
A ação do cabo era apoiar e ligar o homem ao ferro.
A ação do ferro era cortar.

O problema estava no cabo, no APOIO, no ELO, na LIGAÇÃO!
O homem sem o ferro não corta madeira.
O cabo sem o ferro não corta madeira.
O ferro sem o cabo e sem o homem não corta madeira.

O homem, o cabo e o ferro sozinhos não cortam madeira!

A ação deve ser conjunta, harmônica e sincronizada.
Muitas vezes a obra pára porque o homem está trabalhando sozinho.

POR QUE A FERRAMENTA SOLTOU?

Porque se quebrasse poderia significar duas coisas: Mau uso da força ou posição errada.
Mas soltar-se do cabo, significa que o diâmetro do cabo estava maior do que o do ferro: Problemas de encaixe. Provavelmente, a madeira do cabo desgastou-se com o uso.
Não é preciso muito esforço para aplicar esse episódio ao que acontece em ministérios.

O problema estava no APOIO; ou seja, naquilo que o homem estava se apoiando para manusear o ferro.
Não havia problema nem com o homem, nem com o ferro. O problema era o tipo de madeira (cabo de madeira) que ligava os dois. (Lembre-se que madeira, na Bíblia, tem a conotação da Palavra de Deus). O cabo, sem condições de uso, fez com que o ferro (que estava bom) fosse perdido, e o trabalho do homem (que estava bom) também se perdesse.

E foi exatamente algo do mesmo material - madeira - que foi usado para resgatar. E em se tratando de madeira, que representa a Palavra de Deus, aqui vale uma observação. As vezes, a pessoa recebe uma Palavra, e a interpreta de forma errada para o seu ministério, para a sua vida. É a Palavra - madeira -, mas usada incorretamente. Logo, não produzirá o efeito esperado. E isso, desgastará o ânimo do obreiro, com o decorrer do tempo.

Perceba que foi lançada uma nova palavra - um galho de uma árvore -, para resgatar o que foi perdido. O material não foi outro senão a Palavra. Não veio algo de outro planeta; foi a mesma madeira que compunha o cabo. Porém, a madeira correta para este propósito. Veja que foi a madeira (do cabo) que fez com que o ferro se desprendesse e se perdesse. A madeira que era para unir, ligar, sustentar, apoiar, segurar, não cumpriu o seu propósito original.

POR QUE ELISEU NÃO JOGOU NA ÁGUA O CABO?

Você já se perguntou isso? Madeira por madeira, ele poderia ter jogado o cabo - este que não tinha nenhuma serventia sem o ferro!
Mas Eliseu lançou mão de um pedaço novo de madeira. Se a questão fosse somente usar a madeira, Eliseu teria jogado o cabo. Aqui eu vejo a obra redentora. O judeu foi cortado da Videira para que os gentios fossem salvos. Jesus é essa madeira lançada às águas. Jesus era judeu. Ele é o Resgatador, o Remidor.

Um cabo de madeira fez soltar o ferro.
Um galho de madeira atraiu o ferro de volta à superfície.

Eu quero ser Eliseu para a minha geração.
Eu quero ser a pessoa a quem possam recorrer para resgatar o que foi perdido.


Mônica Sampaio
www.monica-sampaio.blogspot.com.br
www.agradabilidade.blogspot.com
www.radialista-monicasampaio.blogspot.com.br