facebook.com/monica.sampaio1 (perfil 1)

sábado, 24 de agosto de 2013

Silas Malafaia e as Manifestações de Junho no Brasil


Transcrição do Editorial da Revista Fiel,de agosto de 2013, ano 09, número 99 - uma publicação da Associação Vítória em Cristo.

AS MANIFESTAÇÕES
por Silas Malafaia
- Pastor Presidente da Assembleia de Deus Vitória em Cristo - Brasil

"O Brasil foi varrido de Norte a Sul por manifestações que pegaram todos de surpresa. Durante o mês de junho, as principais capitais brasileiras viraram palco de protestos. O movimento começou com o grupo do Passe Livre, em São Paulo, por causa do aumento nas tarifas de transportes coletivos, com objetivo pacífico de pressionar as autoridades, o que é legítimo no Estado Democrático de Direito. Entretanto, em diversas cidades, multidões sem lideranças tomaram as ruas, o que resultou em abaderna e vandalismo. E é aí que está o perigo.

Em nenhum momento da história, movimentos sem lideranças acabaram bem, não por culpa do povo, mas pela manipulação de ideólogos que, por interesses mesquinhos, levam a multidão a fazer coisas não convenientes. No Brasil, o perigo é (sic) os esquerdopatas ultrarradicais, que pregam vandalismo e derramamento de sangue, para que possa haver uma verdadeira revolução. Elis querem ressuscitar métodos falidos de comunistas e reacionários, e o povo não percebe esse tipo de manipulação.

A prova disso é que parte da imprensa, formada por jornalistas esquerdopatas, parciais e inescrupulosos, que odeia o povo evangélico, insinuou que as manifestações deveriam ser contra a "cura gay" que os fundamentalistas (segundo eles, somos nóes) querem promover. Mas foram esses mesmos jornalistas, amigos do ativismo gay, que plantaram a notícia mentirosa de "cura gay".

A sociedade não pode ficar a mercê de grupos que convocam o povo com o pretexto de revolta popular, a fim de parar o país e causar problemas mais profundos à nação. Os países mais democráticos do mundo não peermitem baderna, nem que o direito de outros sejam impedidos, por mais nobres que sejam os motivos.

Nós, evangélicos, demos um exemplo de cidadania. Antes mesmo de o Brasil ser palco desses protestos, no dia 5 de junho, reunimos mais de 70 mil pessoas em frente ao Congresso Nacional, durante um dia de semana, a fim de defender a liberdade de expressão, liberdade religiosa, família tradicional e a vida. Na ocasião, manifestamos também nosso repúdio à corrupção e não houve quebra-quebra nem qualquer registro de atos violentos. Tudo realizado pacificamente.

Por isso, digo: Manifestação pacífica por um tempo determinado, sim! Baderna e vandalismo, mil vezes não! Como povo de Deus, cabe-nos orar e ficar alertas.

Deus abençoe você, sua família e o Brsil!"

Silas Malafaia

www.vitoriaemcristo.org

Concordo, Pastor.

Mônica Sampaio